OBS.: FORMATO DIGITAL

Uma casa alugada na Serra de Tomar, junto à barragem de Castelo de Bode, foi transformada em estúdio durante um mês baptizada “Châteaux do Memé”. A maior parte do trabalho foi feito ali. As canções falam da vida. Amores e desamores; pueris aventuras de adolescentes por estradas secundárias com álcool a mais no sangue; o desencanto e a solidão da grande cidade; a balzaquiana que “saiu para a rua” ou que “sorri a um homem”. Depois há S.O.S. Polícia e P.D.I. que podem muito bem cantadas em qualquer idade.

É um disco com uma sonoridade assumidamente Rock e que se distância do seu antecessor por essa mesma sonoridade, não descorando o que os liga, os seus textos e a voz inconfundível de Filipe Santos.

“Terra, Água, Fogo e Ar... de Rock” tem a guitarra do Ricardo Nogueira, o baixo do João Vasco, a bateria do Tiago Ramos, tem as participações especiais dos guitarristas Luís Fernando e Alex Patrício, do pianista Ernesto Leite, o violoncelo de André Tavares e um dueto com Rui Drumond em “Segue o Caminho”.

 

Produção: Nani Teixeira

Produção Executiva: Filipe Santos

Gravado no Estúdio Châteaux do Memé na Serra de Tomar por Jorge Serigado

Vozes de Ernesto Leite gravadas no JAP Estúdios em Sacavém por José António Pedro

Mistura por André Tavares e Nani Teixeira no

MDL Estúdio em Paço de Arcos

Masterização por Fernando Abrantes no

MDL Estúdio em Paço de Arcos

Terra, Água, Fogo e Ar... de Rock

5,00 €Preço
  • 01. Não Me Deixes por Aí

    02. Lisboa Pessoa, Lisboa Cidade

    03. Fado da Vida

    04. S.O.S. Polícia

    05. Uma Pedrada no Charco

    06. Olhos nos Olhos

    07. Segue o Caminho

    08. Luna Café

    09. Culpa Tua

    10. P.D.I.